Sábado, 2 de Fevereiro de 2008

Império dos Sentados - Sempre para te amar

Com uma dedicatória especial

temas:
publicado por Andando de raboleta às 00:15

ligação à raboleta | comentar a raboleta | adicionar raboleta aos favoritos
Quarta-feira, 30 de Janeiro de 2008

Tanta saudade

Faz hoje um ano que partiste mas continuas no nosso pensamento e no nosso coração. Descansa em paz.

temas:
publicado por Andando de raboleta às 00:40

ligação à raboleta | comentar a raboleta | adicionar raboleta aos favoritos
Sexta-feira, 25 de Janeiro de 2008

Crises humanitárias negligenciadas

Os Médicos Sem Fronteiras divulgaram a lista das dez crises humanitárias mais esquecidas pela imprensa. São elas a tuberculose, a desnutrição e os conflitos na República Centro-Africana, Somália, Sri-Lanka, República Democrática do Congo, Colômbia, Mianmar, Zimbabwe e Tchetchénia.
temas: ,
publicado por Andando de raboleta às 15:14

ligação à raboleta | comentar a raboleta | adicionar raboleta aos favoritos
Sexta-feira, 21 de Dezembro de 2007

Boas Festas

Desejo a todos os visitantes e amigos do Andando de Raboleta um Feliz Natal e um Próspero Ano 2008.

Por agora vou de férias, mas para o ano cá estarei novamente.

Boas Festas

temas:
Quarta-feira, 17 de Outubro de 2007

Dia Internacional para a Erradicação da Pobreza

  • 1 em cada 5 portugueses vive no limiar da pobreza (21% da população total)
  • 12.4% da população activa (5531.6) ganha o salário mínimo nacional (374,7€)
  • 7,2 % da população activa está desempregada; em 2003, mais de 5000 trabalhadores tiveram o seu trabalho reduzido ou suspenso;
  • 26,3% dos reformados recebe menos de 200€/mês de reforma
  • 147 332 recebem o Rendimento Social de Inclusão (151,84€)
  • 79,4% da população activa não terminou o ensino secundário
  • 45,5% da população, em idade escolar, abandona de forma precoce a escola
  • Taxa de Analfabetismo, em 2001, era 9,0% da população
  • 300 mil famílias (8% da população) viviam, em 2001, em habitações sem condições mínimas
  • Em relação aos dados de 1999 e 2000, há um agravamento de 20 a 25% da situação de pessoas sem-abrigo
  • A taxa de Analfabetismo, em 2001, era de 11,5% para as mulheres e de 6,3% para os homens
  • Os homens ganham mais 9% do que as mulheres
  • A taxa de Desemprego, em 2002, era de 55,2% para o género feminino
  • Em 2004, 240 730 mil eram famílias monoparentais femininas, num universo total de 275 826 mil
  • Em 2003, 69% da população dos beneficiários do Rendimento Social de Inserção, eram mulheres

Por outro lado

  • As 100 maiores fortunas portuguesas representam 17% do Produto Interno Bruto Nacional – 22.4 mil milhões de euros
  • O país tem a pior distribuição de riqueza no seio da União Europeia com os 20% mais ricos a controlar 45.9 por cento da rendimento nacional
  • 10 800 pessoas têm rendimentos de cerca de 816 mil euros anuais
  • Em 2001, a Segurança Social gastou com cada português apenas 56,9% do que habitualmente gastam os outros países da União Europeia

Fonte: OIKOS - Cooperação e Desenvolvimento 

Ver mais em: Rede Europeia Anti Pobreza / Portugal - REAPN e Pobreza Zero

publicado por Andando de raboleta às 00:39

ligação à raboleta | comentar a raboleta | adicionar raboleta aos favoritos
Quinta-feira, 11 de Outubro de 2007

Para poucos terem muito, muitos têm que ter pouco

Nos dias 8 e 9 de Dezembro deste ano, realiza-se na FIL, em Lisboa, a Cimeira UE-África. Infelizmente não se auguram grandes novidades ou mudanças.

publicado por Andando de raboleta às 11:35

ligação à raboleta | comentar a raboleta | adicionar raboleta aos favoritos
Segunda-feira, 17 de Setembro de 2007

Genocídio de Darfur

"O conflito de Darfur (ou genocídio de Darfur) é um conflito armado em andamento na região de Darfur, no oeste do Sudão, que opõe principalmente os janjawid - milicianos recrutados entre os baggara, tribos nômades africanas de língua árabe e religião muçulmana - e os povos não-árabes da área. O governo sudanês, embora negue publicamente que apóia os janjawid, tem fornecido armas e assistência e tem participado de ataques conjuntos com aquele grupo miliciano. O conflito teve início em Fevereiro de 2003.
As mortes causadas pelo conflito são estimadas entre 50.000 (Organização Mundial da Saúde, setembro de 2004) e 450.000 (Dr. Eric Reeves, 28 de Abril de 2006). A maioria das ONGs trabalha com a estimativa de 400.000 mortes. O número de pessoas obrigadas a deixar seus lares é estimado em 2.000.000. A mídia vem descrevendo o conflito como um caso de "limpeza étnica" e de "genocídio". O governo dos EUA também o considera genocídio, embora as Nações Unidas ainda não o tenham feito.
Quando os combates se intensificaram em Julho e Agosto de 2006, o Conselho de Segurança das Nações Unidas aprovou a Resolução 1706, de 31 de Agosto de 2006, que prevê o envio de uma nova força de manutenção da paz da ONU, composta de 20.000 homens, para substituir as tropas da União Africana presentes no local, que contam com 7.000 soldados. O Sudão opôs-se à Resolução e, no dia seguinte, lançou uma grande ofensiva na região.
Diferentemente da Segunda Guerra Civil Sudanesa, que opôs o norte muçulmano ao sul cristão e animista, em Darfur não se trata de um conflito entre muçulmanos e não muçulmanos pois a maioria da população é muçulmana, inclusive os janjawid.
Darfur tem cerca de 5 a 6 milhões de habitantes, numa região com baixo nível de desenvolvimento: apenas 44,5% das crianças do sexo masculino - e um terço do feminino - frequentam a escola.
Três tribos são predominantes na região: os fur (que emprestam o nome à região), os masalit e os zaghawa, em geral negros muçulmanos.
O Sudão tem uma história de conflitos entre o sul e o norte do país, que resultaram na primeira (1955-1972) e na segunda (1983-2005) guerras civis sudanesas. A segunda confrontação causou cerca de dois milhões de mortos e mais de quatro milhões de refugiados, em ambos os casos principalmente no sul.
Em 2003, dois grupos armados da região de Darfur rebelaram-se contra o governo central sudanês, pro-árabe. O Movimento de Justiça e Igualdade e o Exército de Liberação Sudanesa acusaram o governo de oprimir os não-árabes em favor dos árabes do país e de negligenciar a região de Darfur.
Em reação, o governo lançou uma campanha de bombardeios aéreos contra localidades darfurenses em apoio a ataques por terra efetuados por uma milícia árabe, os janjawid. Estes últimos são acusados de cometer grandes violações dos direitos humanos, inclusive assassinatos em massa, saques e o estupro sistemático da população não-árabe de Darfur. Os janjawid também praticam o incêndio de vilarejos inteiros, forçando os sobreviventes a fugir para campos de refugiados localizados em Darfur e no Chade; muitos dos campos darfurenses encontram-se cercados por forças janjawid. Até o verão de 2004, entre 50.000 e 80.000 pessoas haviam sido mortas e pelo menos um milhão haviam fugido, provocando uma grande crise humanitária na região.
Em setembro de 2004, o Conselho de Segurança das Nações Unidas aprovou a Resolução no. 1564, que estabeleceu uma comissão de inquérito em Darfur para avaliar o conflito. Em Janeiro de 2005, a ONU divulgou um relatório afirmando que embora tenha havido assassinatos em massa e estupros, aquela organização internacional não estava em condições de classificá-los como genocídio, devido a "uma aparente falta de intenção genocida" (tradução livre do inglês).
Em Maio de 2006, o Exército de Liberação Sudanesa, principal grupo rebelde, concordou com uma proposta de acordo de paz com o governo. O acordo, preparado em Abuja, Nigéria, foi assinado com a facção do Movimento liderada por Minni Minnawi. No entanto, o acordo foi rechaçado tanto pelo Movimento Justiça e Igualdade como por uma facção rival do próprio Exército de Liberação Sudanesa, dirigida por Abdul Wahid Mohamed el Nur.
Os principais pontos do acordo eram o desarmamento das milícias janjawid e a incorporação dos efetivos dos grupos rebeldes ao exército sudanês. Apesar do acordo, os combates continuaram."

Fonte: Wikipédia

temas: ,
Quinta-feira, 21 de Junho de 2007

Eles "andem" aí

Embora correndo o risco de também ser constituído arguido em um qualquer processo do tipo Kafka , não descansava enquanto não dissesse o que me vai na alma.

Nos últimos tempos têm ocorrido focos de tentativas de privação de liberdade de expressão e informação, sendo o mais recente e mediático o de um professor e agora o do autor do blog Do Portugal Profundo, convocado para prestar declarações como arguido no âmbito de inquérito judicial relativo ao assunto do percurso académico (e utilização do título de engenheiro) de José Sócrates Carvalho Pinto de Sousa.

Já de algum tempo atrás que me sinto meio desconfortável com tudo o que me rodeia no trabalho, nos cafés, restaurantes, transportes, etc. É como que se alguém vestido com uma gabardina com a gola levantada e chapéu preto me observasse. Deve ser paranóia minha.

Sexta-feira, 1 de Junho de 2007

Dhaka Project

Hoje é o Dia Mundial da Criança e o do meu aniversário. Para os comemorar dou aqui a conhecer o Dhaka Project.

Dhaka Project

O Dhaka Project é uma ONG (Organização Não Governamental) de ajuda humanitária fundada em 2005 por uma portuguesa de 29 anos, assistente de bordo e a residir actualmente no Dubai, que presta apoio a crianças e famílias carenciadas em Dhaka, no Bangladesh.

Maria Conceição e a sua organização prestam apoio a mais de 600 crianças e às suas famílias proporcionando-lhes educação, formação, alimentação, roupas, calçado, pagamento de rendas, medicamentos e vacinação.

Ver mais em  www.thedhakaproject.org.

Quarta-feira, 30 de Maio de 2007

Este blog hoje está de greve

temas:
publicado por Andando de raboleta às 10:56

ligação à raboleta | comentar a raboleta | adicionar raboleta aos favoritos
Quarta-feira, 2 de Maio de 2007

Blog Amizade

Blog Amizade é um apelo feito no blog Conversas sem ferrolho !!!?. Em resposta e porque a amizade é algo que devemos cultivar e preservar, aqui fica o símbolo.

Blog Amizade

Parabéns ao Moinante e à Beatriz, autora do símbolo.

publicado por Andando de raboleta às 23:55

ligação à raboleta | comentar a raboleta | adicionar raboleta aos favoritos
Quarta-feira, 25 de Abril de 2007

Grândola Vila Morena de Zeca Afonso

 

Grândola Vila Morena, de Zeca Afonso, a canção emblemática da Revolução dos Cravos

publicado por Andando de raboleta às 00:28

ligação à raboleta | comentar a raboleta | adicionar raboleta aos favoritos
Sábado, 21 de Abril de 2007

Sem comentários ou se quiserem podem comentar

Opinião do Procurador Geral da República sobre os Blogs. Não se ouve a pergunta mas de qualquer das maneiras há Blogs bons e Blogs maus, não se pode generalizar. Deve-se regulamentar? Não sei, mas que nos Blogs se deve respeitar e não difamar, isso deve.

Ver: 2º Encontro de Blogs em Alvito no dia 21 de Abril de 2007

temas:
publicado por Andando de raboleta às 00:00

ligação à raboleta | comentar a raboleta | adicionar raboleta aos favoritos
Terça-feira, 27 de Fevereiro de 2007

Para o meu amor

Com uma dedicatória ao meu amor.

temas:
publicado por Andando de raboleta às 00:47

ligação à raboleta | comentar a raboleta | adicionar raboleta aos favoritos
Domingo, 4 de Fevereiro de 2007

Tanta saudade

Este post é dedicado ao meu pai, falecido recentemente. Obrigado por tudo o que fizeste por mim e pela mãe. Descansa em paz.

Descansa em paz

temas:
Sexta-feira, 26 de Janeiro de 2007

Feliz aniversário

Este video é dedicado à minha MÃE que faz hoje anos. Parabéns.

temas:
publicado por Andando de raboleta às 00:04

ligação à raboleta | comentar a raboleta | adicionar raboleta aos favoritos
Domingo, 7 de Janeiro de 2007

Há sempre alguém que nos faz falta

AUSÊNCIA

 

Num deserto sem água

Numa noite sem lua

Num país sem nome

Ou numa terra nua

 

Por maior que seja o desespero

Nenhuma ausência é mais funda do que a tua.

 

Sophia de Mello Breyner Andresen

temas:
publicado por Andando de raboleta às 00:02

ligação à raboleta | comentar a raboleta | adicionar raboleta aos favoritos
Quinta-feira, 1 de Junho de 2006

Fiquei feliz

De manhã, ao sair para a labuta, encontrei uma jovem sentada num banco do comboio e com os pés em cima do banco da frente.

Quando se levantou para sair eu disse: "esqueceu-se de uma coisa"  e apontei para o banco, ela virou-se e como não viu nada olhou de novo para mim, "esqueceu-se de limpar o banco que sujou" disse-lhe, ao que ela respondeu: "mas eu hoje tomei banho",  "não, o banco que sujou com os pés". Ela virou-se, limpou o banco e disse "se isso o faz feliz, eu gosto que as pessoas se sintam felizes" e saiu do comboio.

Fiquei realmente feliz porque: ela limpou o banco, tomou banho, não me ofendeu e hoje faço anos.

Sejam felizes

sinto-me:
música: silêncio
temas:

@mais sobre mim

@eventos

@ Futsal - Grupo Desportivo...

@raboletas recentes

@ Império dos Sentados - Se...

@ Tanta saudade

@ Crises humanitárias negli...

@ Boas Festas

@ Dia Internacional para a ...

@ Para poucos terem muito, ...

@ Genocídio de Darfur

@ Eles "andem" aí

@ Dhaka Project

@ Este blog hoje está de gr...

@raboletas passadas

@ Novembro 2008

@ Outubro 2008

@ Setembro 2008

@ Agosto 2008

@ Julho 2008

@ Junho 2008

@ Maio 2008

@ Abril 2008

@ Março 2008

@ Fevereiro 2008

@ Janeiro 2008

@ Dezembro 2007

@ Novembro 2007

@ Outubro 2007

@ Setembro 2007

@ Agosto 2007

@ Julho 2007

@ Junho 2007

@ Maio 2007

@ Abril 2007

@ Março 2007

@ Fevereiro 2007

@ Janeiro 2007

@ Dezembro 2006

@ Novembro 2006

@ Outubro 2006

@ Setembro 2006

@ Agosto 2006

@ Julho 2006

@ Junho 2006

@ Maio 2006

@temas

@ alentejo(258)

@ baronia(217)

@ benfica(3)

@ comboios(3)

@ desporto(114)

@ dicas(3)

@ encantos(12)

@ eventos(147)

@ lazer(60)

@ leis(153)

@ lisboa(29)

@ maravilhas(11)

@ momentos(18)

@ mundo(11)

@ o blog ...(13)

@ o início(7)

@ o livro...(1)

@ portugal(61)

@ tributo a ...(20)

@ todas as tags

@ligações

@pesquisar raboletas

 
Assinar com Bloglines
eXTReMe Tracker
Blog Amizade